repete roupa!: vamos às regras!

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

vamos às regras!

desafio que se preze tem que ter regras, daquelas que fazem a gente amaldiçoar o dia em que aceitamos a proposta. vamos lá.

  • não vou comprar nada durante o ano. isso não acaba nas roupas, não. não posso comprar tranqueirinhas, coisas pra casa, caderninhos, canetas, objetos de decoração, roupa íntima, roupas de praia, livros, dvds, lente de contato, produtos de beleza, cinema, nada. no caso de eu PRECISAR repor alguma coisa, ok. (por exemplo: se todos os meu copos quebrarem, posso repor. se o meu único par de botas estragar - duvido - posso comprar botas. etc)
  • toda semana escolherei uma peça de roupa que vou repetir a semana toda. me permiti um mínimo de 5 looks semanais - se no fim de semana eu estiver inspirada com a peça, continuo, se quiser uma folga, me permito. mas haverão sempre no mínimo 5 usos diferentes da mesma roupa, publicados aqui toda segunda.
  • ECA! usar a mesma roupa a semana toda? NEWSFLASH gente, roupa não precisa ser lavada sempre não, inclusive lavar demais estraga a roupa - lição que aprendi com minha vovó alegra, que tem roupas de 1940 intactas (talvez ela tenha exagerado nessa de não lavar). porém, se a roupa da semana sujar irremediavelmente, ficar fedida, ou estragar, rasgar, sei lá, me permito trocar a peça. dã. a única condição é que tenho que trocar por alguma das vestimentas que eu usei durante a semana.
mas, melody, você não vai comprar nadinha? 

tenho uma lista aprovada de gastos de 2017, na qual constam:



(lista atualizada em 20/02) (lista atualizada de novo em 20/05) (atualizada mais uma vez em 25/09)

. delineador quando o meu acabar (é a única maquiagem que eu consumo e eu uso mesmo, vou me permitir comprar) (limpei minha necessaire de maquiagens e achei 4 delineadores que não foram usados até o fim, só vou comprar quando todos acabarem)
. prateleira para a cozinha (na época do natal ganhei um fogão e panelas mas não tenho onde guardá-las) (me arranjei com as panelas)
. sofá (definitivamente não vou comprar esse ano)
. mensalidade da pós-graduação, luz, internet (desisti dessa pós, estou a procura de outra ou considerando mestrado)
. renovar habilitação e passaporte
. pneus novos para o carro e gastos com automóvel em geral (quero mudar pra sp em breve e me livrar do carro, não vou mais trocar os pneus) (comprei os pneus novos e de quebra troquei pastilha e disco de freio do carro. um mega gasto, mas não tinha mais como adiar e, né, eu gasto com tão pouco que consegui pagar à vista sem me preocupar)
. molduras pra todos meus quadros e ilustrações que ainda estão no chão (acho que não esse ano, mas vou deixar na lista) (tirei da lista oficialmente, fica pra 2018)
. fim

sobraram na lista: delineador, renovar habilitação e passaporte, e gastos com o carro. hooray pra editar lista de compras!
sobraram na lista: renovar habilitação e passaporte - e talvez eu não renove a habilitação por motivos de não terei mais carro, e passaporte acabei empurrando com a barriga pois não tenho viagens à espera. (sigo com o carro, renovar a habilitação volta pra lugar prioritário na lista)

o meu maior gasto previsto é o sofá, e bem capaz de eu não comprar pois já comentei que vivi muito tranquilamente sem ele em 2016. trocar os pneus do carro me parece uma necessidade bem séria, mas é muito caro e vou arrastar até o último momento possível. as molduras também é provável que eu não compre, pois se já procrastinei desde que me mudei, que problema há em deixar os quadros no  chão mais alguns meses?

e é isso. nenhum bicho de 7 cabeças, regras simples apropriadas aos meus objetivos e ao meu estilo de vida. boa sorte pra mim (e pra todas nós)!

na real a gente sempre acaba comprando alguma coisa, né, então decidi que honestidade é tudo. aqui estão as coisas que comprei e ganhei esse ano:

comprei
  • um maiô lá na semana 2;
  • dois pares de meia;
  • brinquedos, roupinha, potinhos de comida e água e caminha pra matilda, a cachorra que adotei na semana 1 ;
  • alguns materiais pra eu usar na escola com meus pequerruchos, em oficinas e workshops que dou e nas aulas em geral: fantochinhos de bicho, confete colorido e papéis pra colagem, forminhas de brigadeiro coloridas, cartolinas, colas, impressões de atividades, etc;
  • anúncios de instagram e facebook pra promover minha página e meu blog.
  • ingressos pra shows (coala festival, popload festival, hanson)
  • uma sandália confortável estilo papete/chinela de jesus (doei várias das minhas rasteiras)
ganhei

  • minha irmã me deu um leque;
  • uma amiga me deu um vestido e um crop top que foi da mãe dela, além de apetrechos pra eu fazer brincos;
  • uma amiga e cliente de consultoria me deu uma jaqueta maravilhosa de inverno (que ela tinha ganhado de uma aluna, que por sua vez a usou muito antes de passar adiante. roupa com história, gente, traz muito mais alegria do que roupa de shopping);
  • minha mãe me deu dois pares de botas e um par de sapatos baixos
(e, claro, não vamos esquecer meus gastos fixos: aluguel, gasolina, supermercado, internet, luz e spotify. não tenho celular pós-pago nem tv a cabo e o namo paga pelo netflix.)

3 comentários:

Juliana Grenfell disse...

Melody,

Adorei seu blog! Acompanhava o Jojo do UASZ, mas depois do desafio o site mudou muito!

Não sou consumista, adoro brechó e compro pouco, por isso adoro acompanhar esse tipo de blog.
Parabéns

mel disse...

oi, juliana! muito bom te ter por aqui (o: eu ainda estou aprendendo a não ser consumista, então qualquer força é válida!)

Mayara Gomes disse...

Por favor continua! ❤