repete roupa!: semana 5 - 1 saia maxi de estampa africana que virou vestido que virou saia em 6 visus

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

semana 5 - 1 saia maxi de estampa africana que virou vestido que virou saia em 6 visus




na semana 5 decidi ousar de todas as maneiras: escolhi essa saia de ankara maravilhosa e montei os looks diariamente ao invés de planejar a semana toda com antecedência. consegui variar no comprimento da saia e comentei no instagram que não foi fácil porque essa saia tem MUITO PANO gente. tentei montar visus bem variados, com misturas de cores e estampas mas também opções do tipo põe a camiseta branca e chinelo e tá pronta pra vida. 

comentaram recentemente que meus visus são difíceis de copiar porque são muito alternativos. meninas, o importante é olhar os elementos da roupa e não o estilo - estilo é muito pessoal, claro! mas se você tem uma saia estampada, dá pra copiar as sugestões de elementos pra produzir o visual. a camiseta branca, uma blusa de bolinhas, regata... todas nós temos essas coisas no armário, mesmo se as minhas pareçam ser mais "alternativas". isso é fruto de uma escolha estética que engloba todo meu repertório cultural, musical, estético, minhas referências... isso tudo é único em cada pessoa, mas as coisas que se vendem nas lojas não são tão diferentes: blusas, saias, casacos. a ideia é aprender a combinar esses elementos de maneiras nunca antes pensadas, e isso pode rolar pra mulheres de qualquer estilo. 

mas vamos à saia pois: socorro ela é maravilhosa

  • terça, 31 de janeiro

segunda não teve visu pois foi dia de home office, o que pra mim significa: pijama. sei que muita gente das muódas na internet a fora vai dizer que é importante se arrumar até para trabalhar de casa, pois assim a gente se sente menos desleixada e isso reflete na qualidade do nosso trabalho. acho lindo quando leio mas simplesmente não consigo, gosto de ficar de moletom, meia, sem sutiã, com as pernas pra cima e tudo muito muito muito confortável.



quis começar na terça usando a saia do jeito mais simples possível, em que eu precisaria de menos coisas pra complementar a produção. nada mais simples do que um vestido, uma única peça que te veste inteirinha sem precisa de mais nada e ainda pra fazer xixi é uma facilidade que é uma beleza - então de primeira usei a saia como vestido. sou dessas que curte umas estampas nada a ver misturadas então amarrei a cintura com essa faixa que é de um kimono. além de tudo era aniversário do meu pai então caprichei nos acessórios com esse anel que um dia foi um garfo e que é uma ótima arma de defesa caso necessário.

a saia ankara usada como vestido é da okan áfrica
o anel de bolas é da luigi bertolli
o anel feito de garfo foi comprado no chile

  • quarta, 1 de fevereiro


antes de qualquer coisa: por favor não reparem na barra torta da saia - na quarta eu dobrei a cintura algumas vezes e segurei com o cinto e deu tudo certo, no sábado para as fotos não consegui reproduzir sem entortar a saia de jeito nenhummmmm, então ficou assim. mas a ideia foi transformar a saia longuíssima numa saia midi, e achei que foi ótimo. só cobrir a cintura enrolada com um cinto grosso e voilà duas saias em uma. 



o body é da c&a (acho)
o cinto comprei em embu quando tinha 14 anos
a sandália é da marisa
a bolsa é do etsy
o anel era da minha vó

  • quinta, 2 de fevereiro

na quarta tentei harmonizar as cores da saia com alguma outra peça - isso é difícil pra mim, eu normalmente evito repetir cor na roupa, acho meio clichêzão e sem criatividade, mas pensei que eu não devia dispensar ideias apenas por "dogmas" de moda meus. aí vesti essa camiseta que foi a última coisa que comprei em 2016 antes de decidir banir qualquer tipo de compra da minha vida por um ano. foi também uma das duas únicas peças de roupa que comprei pela internet na vida 


a camiseta é da romwe


  • sexta, 3 de fevereiro

na sexta diminui ainda mais o comprimento da saia, isso significa que havia um mega bololô de pano na minha cintura embaixo do cinto - não foi fácil conseguir o resultado e como vocês podem notar não consegui reproduzi-lo no sábado para tirar as fotos; também fiquei com uma barra torta mas a gente finge que tá tudo bem e vida que segue.

a sexta-feira foi ótima pois fui ao mercado comprar coisas essenciais do tipo comida e água e estava havendo uma palestra sobre vinhos com degustação, o que signfica que fiquei bêbada de graça e fui embora do supermercado sem comprar nada que eu tinha pensado em comprar. (a água eu lembrei, pelo menos).

a camiseta branca eu peguei do meu pai (acredito ser hering)
o colar de bola é da 25 de março
os chinelos são havaianas
o cinto é do namorado

  • sábado, 4 de fevereiro

decidi que no fim de semana essa saia merecia ser usada do jeito que ela foi pensada e feita, meti um par de sandálias dessas da moda tipo flatform e mandei bala no visu maxi. tô na vibe de usar amarelo, uma cor que sempre achei muito difícil mas ultimamente tenho achado que deixa meu tom de pele bonito. aí rolou esse visu meio bandeira, meio patriota, mas o que eu posso fazer se verde e amarelo combinam tanto. amarrei a fita de kimono na cintura de novo porque não vivo sem uma misturinha de estampas, mesmo que discreta.


a regata amarela é da renner (acho)
os anéis eram da minha vó

  • domingo, 5 de fevereiro

esse foi o visu que gostei mais, achei o mais bonito de olhar digamos assim. achei o mix de estampas ON POINT e, gente, bolinhas (assim como listras) é sempre um jeito legal de fazer uma misutra de estampas com cara mais séria, mais adulta. e bolinhas (assim como listras) dá pra combinar com quase qualquer outra estampa (inclusive bolinhas com listras são d+). outra vantagem das bolinhas é que normalmente (o que não é o caso da blusa que eu usei) elas vem em preto e branco, o que faz ser super fácil de combinar com qualquer cor. as minhas não são preto e brancas mas são cores relativamente clássicas, e achei que a mistureba com a estampa nitidamente étnica com o clássico das bolinhas azul e vermelhas ficou interessante.

mas aí nesse dia decidi que ia ser legal ir ao ano novo chinês do templo zulai e apenas: que erro. muita gente, muito sol, muita fila, e acabei passando muito calor com essa saia até o pé e essa blusa que na verdade é de uma coleção de inverno da c&a (uma daquelas coleções especiais com estilistas, mas aí encurtei a blusa pra tirar um pouco a seriedade dela). ou seja, não foi a melhor escolha de ~outfit~ para a ocasião, mas né, vivendo e aprendendo. (pelo menos eu tava lindíssima)


a blusa de bolinha é da c&a

na semana 6 eu volto pras roupas que já tavam previamente planejadas, porque tô começando a entrar na rotina de trabalho novamente e é bem legal não ter que pensar no que vestir de manhã. também por causa da rotina de trabalho essa semana vou repetir uma peça mais clássica e mais simples, o que acredito irá agradar às meninas que tavam achando as roupas meio alternativas demais pra conseguir copiar.


5 comentários:

Anônimo disse...

Fantástico!
com exceção da composição com a blusa azul e do cinto florido na cintura. Acho que não "ornou".
ok, ok, entendi direitinho a questão de "suas referências" e "repertório"

Camila Pestana disse...

Oi, Mel, parei tudo aqui no trabalho para ler o blog, assim que recebi noticias das postagens. Adorei, adorei. Valeu a pena ter de sair mais tarde para compensar. Um beijo!

eliane percino disse...

Mandando bem, Melody! melhor dos looks até agora :-)

Mariana disse...

Também gostei muito desta semana!!!!
Tá ficando cada vez melhor. Um Beijo

Clara Ferreira disse...

Adorei tudo vc é o máximo